6 livros incríveis para crianças e famílias



Ler com seu filho ou filha pode ser um momento de lazer e união, certo? Mas, às vezes, enquanto pais e mães, queremos que as histórias que contamos às crianças os ajudem a compreender sentimentos, e, proporcionem trocas, reflexões, questionamentos sobre o mundo e a vida.

Pensando nisso, a Cataventura elaborou uma lista com seis livros que podem ajudar você neste momento de leitura com seu filho! Confira nossas dicas:



“Sou humano” - Susan Verde




Neste livro, podemos entender melhor sobre o que nos torna humanos. “Antes de ter empatia, de me colocar no lugar do outro, tenho que reconhecer isso em mim. Preciso entender como as coisas acontecem para mim”, explica nossa diretora Laina Brambatti. Entender sobre nossos sentimentos, sobre quem somos, ter humanidade em nós mesmos é necessário para podermos compreender o outro.

O livro consegue abordar assuntos complexos e filosóficos de uma maneira leve e lúdica, mostrando o ser humano com seus percursos e características. “Sou Humano” caminha pelo conceito de humanidade de uma maneira muito interessante, com o objetivo de mostrar como isso é importante e básico para que possamos nos relacionar com outros seres humanos.



“Quando estou com ciúme” - Cornelia Maude Spelman




Este livro faz parte de uma série que trata sobre sentimentos de uma maneira muito interessante. Às vezes, as crianças não sabem o que fazer com o que sentem e os personagens dos livros desta série podem ajudar a identificar os sentimentos. Afinal, quando a criança se identifica com o personagem pode de maneira lúdica acessar suas próprias dúvidas e vivências, aproveitando para expressar sua perspectiva ou indagar a partir do texto. De acordo com a nossa diretora, Laina Brambatti, a leitura deste tipo de história pode auxiliar os pais a iniciarem conversas com seus filhos utilizando as histórias e situações vividas pelos personagens.

O livro “Quando estou com ciúme” conta a história de uma personagem que passa por algumas situações de ciúme e descreve quando estes momentos acontecem. Os livros podem ser ótimos aliados para a construção de bons diálogos com os filhotes.


“Livro do Medo” - Raquel Cané




Esta é uma obra muito importante neste momento, porque as crianças absorvem e entendem o clima de medo que está no ar por conta da pandemia. Nesse período, o medo está muito presente nas relações que temos com nossa família e amigos. Neste livro, seu pequeno vai entender melhor sobre o sentimento do medo e das possibilidades e tipos de medo que podemos sentir.

É um ponto de partida interessante para conversar com seu filho sobre o assunto e entender os sentimentos da criança. Nossa diretora destaca que uma dica importante é não desmerecer o medo, por mais absurdo que possa parecer. É importante que, enquanto família, você esteja à disposição da criança para ajudá-la a enfrentar esse medo.


“Diga com licença” - Suelen Katherine Santos




Neste livro, o assunto principal são os modos de interação. Algo que, segundo nossa diretora, precisamos utilizar com a criança e assim indicar, através do exemplo, como uma forma respeitosa de interação social. Na metodologia montessori, essas práticas aparecem nos exercícios de graça e cortesia. Estamos falando sobre os hábitos de dar bom dia, pedir licença, dizer por favor e obrigado, esperar sua vez, entre outros. Estes hábitos ajudam a criança a sentir segurança para se relacionar, além de promover uma convivência pacífica.

A obra mostra situações em que se pode utilizar estas palavras de maneira objetiva e contextualizada, algo que faz muito sentido para as crianças, garantindo que elas tenham mais recursos para a socialização.


“O Príncipe sem Sonhos” - Mariana Massarani e Márcio Vassallo




Este livro trata sobre um menino que tinha tudo antes mesmo de desejar, assim não tinha nem tempo e nem espaço em seu coração para desejar por si mesmo, assim não tinha motivos para realizar qualquer busca em sua vida.

Com o tempo, o menino ficou muito triste, porque ele não tinha um sonho que fosse só dele. Ele não tinha tempo de desejar nada e estava sempre satisfeito. Isso gerou um vazio dentro dele e ele ficou sem sonhos. Nossa diretora, Laina Brambatti, explica que este livro é uma espécie de metáfora para as crianças que têm “tudo”. “Às vezes, nós, como pais e mães, temos a impressão de que fazer nosso filho feliz, ser um bom pai ou uma boa mãe é evitar todas as frustrações do nosso filho. Isso pode colocar a criança em uma situação muito difícil,que prejudica a autoestima, a criatividade e a autonomia, consequentemente o desenvolvimento de habilidades em todos os sentidos”, esclarece.


“A quatro mãos” - Marilda Castanha




Neste livro, o assunto principal é a relação entre as pessoas. As quatro mãos simbolizam as mãos que se tocam e se apoiam. A mão que encoraja, que acompanha, que brinca, que ajuda… De acordo com a nossa diretora, Laina Brambatti, é uma metáfora sobre a importância das mãos nas relações e como podemos, através das mãos, falar sobre o toque e o apoio.

“É um livro que pode ser utilizado para as crianças e famílias refletirem sobre o fazer, o estar junto”, explica Laina. “Na metodologia Montessori se diz que o conhecimento se adquire pelas mãos. Nós acreditamos que a aprendizagem precisa ser vivência e as mãos que fazem é o pensamento trabalhando”.


16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo